segunda-feira, 24 de setembro de 2012

Amizade improvável, filme intocável

A improvável amizade entre pessoas completamente diferentes é recorrente no cinema, seja ele em Hollywood, seja ele em qualquer outro lugar do mundo. Portanto, o francês INTOCÁVEIS (Intouchables), de Eric Toledano e Olivier Nakache não é nenhum sopro de originalidade. Mas o que o faz tão delicioso de assistir, além de inspiradas interpretações de Françoise Cluzet e Omar Sy (além de todo o resto do elenco) é o primoroso roteiro, baseado numa história real, escrito pelos próprios diretores que, se por um lado pecam quase em demasia por clichês, por outro brindam o espectador com diálogos inteligentes e tiradas sarcásticas, principalmente vindas de Driss, o ex-presidiário que todos gostariam de ter como melhor amigo, pelo menos numa mesa de bar.
Ocorreu um erro neste gadget